Nuno Mascarenhas, presidente da Câmara Municipal de Sines já reagiu a esta noticia, afirmando que "infelizmente um ato reflectido de um grupo de jovens motivou o surgimento de novos casos na nossa região. Sines não ficou imune a esta situação e hoje foram contabilizados dois novos casos. Actualmente registamos 4 casos ativos no concelho e 3 recuperados".

O autarca deixou um apelo à população, "mais uma vez chamo a atenção para a necessidade de continuamos a seguir todas as recomendações da Direção Geral de Saúde. De outra forma estamos a pôr em causa, não só a nossa saúde, como também a saúde dos outros".


Comente esta notícia


SINES