Na primeira semana do novo serviço municipal – Grândola mais solidária – a linha sénior registou 25 chamadas; foram entregues bens alimentares a 8 pessoas e medicamentos a 15.          

Nos contactos telefónicos, efetuados pelos técnicos municipais, é aferida a necessidade de bens ou medicamentos, propostas pequenas atividades físicas de modo a que os idosos não percam a mobilidade e prestado um importante apoio emocional fundamental para a redução da ansiedade, solidão, frustração e angústia dos idosos face ao cenário de incerteza que o país vive.

Todas as situações que a equipa municipal considere passíveis de intervenção são encaminhadas para a psicologia, que fará o acompanhamento psicológico.


Comente esta notícia


SINES