Mónica Brito termina agora o seu percurso no Sines Tecnopolo e abraça um novo desafio, como professora e investigadora na Universidade de Évora.

O Sines Tecnopolo afirma em comunicado que “Mónica Brito liderou uma equipa que desenvolveu inúmeros projetos colaborativos nacionais e internacionais, intensificou a rede de relações institucionais, obteve inúmeras certificações fundamentais ao exercício da sua atividade formativa, e posicionou o Sines Tecnopolo como incubadora de mar, tendo sempre como objetivo o cumprimento da missão da associação, num quadro de sustentabilidade e de notoriedade crescentes”.

Brevemente será conhecido o novo diretor executivo do Sines Tecnopolo.


Comente esta notícia


SINES