A detenção ocorreu, segundo fonte da GNR, no âmbito de “uma investigação relacionada com violência doméstica”, na qual os militares deram “cumprimento a um mandado de busca domiciliária, tendo sido apreendida uma caçadeira e seis cartuchos”.

Segundo a mesma fonte, “o suspeito não tinha licença de uso e porte de arma de fogo”.

Na sequência de diligências pelos militares, foi possível apurar que “a arma terá sido furtada no ano de 2013”.

O detido foi presente ao Tribunal Judicial de Setúbal tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de termo de identidade e residência.

A investigação por violência doméstica continua a decorrer. 


Comente esta notícia


SINES