Além da aprovação do Plano de Operações Municipal para o Coronavírus, deliberou promover, através do Município de Odemira e em articulação com as entidades da economia social e as freguesias, um conjunto de medidas de apoio às pessoas mais desprotegidas.

Outra deliberação passa por reivindicar, junto das entidades públicas nacionais, a tomada de medidas que salvaguardem a resposta aos grupos mais vulneráveis, como são os idosos e de risco, designadamente migrantes e caravanistas.

Será também promovida uma campanha pública, em língua portuguesa e inglesa, de desaconselhamento à circulação.

A Comissão Municipal de Proteção Civil de Odemira continuará a acompanhar a evolução da pandemia e tomará as medidas que, a cada momento, se revelarem necessárias para assegurar o adequado cumprimento das recomendações das entidades oficiais e a defesa inabalável da saúde dos seus cidadãos.


Comente esta notícia


SINES